nuves
Historial

A Associação Terra Mãe foi constituída a 31 de Maio de 2001 e registada como Instituição Particular de Solidariedade Social sem fins lucrativos, a 31 de Julho de 2001.

 

Esta Associação surgiu no concelho de Viana do Alentejo e mais concretamente na vila de Alcáçovas onde podemos encontrar uma moldura humana com um grande espírito associativo, facto este que contribuiu bastante para que um projecto que há muito havia sido pensado tomasse algum rumo. Assim, através de contactos com as forças vivas do concelho e pessoas com espírito dinâmico e empreendedor, meteram-se mãos à obra.

 

No dia 1 de Setembro de 2003 e após o termo do Projecto de Luta contra a pobreza promovido então, pela Câmara Municipal de Viana do Alentejo, foi celebrado um acordo de cooperação entre a Associação Terra Mãe e o Centro Distrital de Segurança Social de Évora, na área da Família e Comunidade, para uma resposta social de Atendimento/Acompanhamento Social. O GASAL – Gabinete de Acção Social de Alcáçovas. Este acordo contemplou a contratação de uma Assistente Social, uma Psicóloga Clínica e uma administrativa. Em Novembro de 2007, foi celebrado um outro acordo de cooperação na área da Intervenção Precoce para a Infância o que nos possibilita a intervenção com 35 crianças até aos 6 anos e respectivas famílias.

 

Sob a missão “Em cada criança há uma esperança” as duas respostas sociais, trabalham com e para as famílias residentes no concelho de Viana do Alentejo, com o objetivo de satisfazer diferentes necessidades nas seguintes áreas: organização da vida quotidiana, educação, formação, saúde, alimentação, cultura entre outras. O acesso a recursos e a serviços que permitam uma progressiva mudança e melhoria da vida de todos, é tido em conta em todas as acções de carácter técnico.

 

Não pretendendo ser um serviço exclusivo de combate à pobreza, apostou-se num trabalho interinstitucional, dinâmico e integrado, de forma a ir ao encontro das problemáticas que mais se evidenciam na comunidade ao nível social.

 

A Terra Mãe com a colaboração de entidades públicas e particulares locais, distritais e nacionais actua em várias frentes, com acções de grande utilidade quer seja no âmbito da saúde, da educação, da segurança social ou dos tempos livres, alguns exemplos são o trabalho com as escolas do concelho, tribunais, departamento de saúde mental, Hospitais distritais, Associação de dadores benévolos de sangue, Instituto de Apoio à Criança, Rede Construir Juntos, Associação Chão dos Meninos, CPCJ, REAPN.

 

De forma a demonstrar a força do seu impulso solidário e cívico, respondendo aos apelos de quem mais precisa, a adesão da Terra Mãe às campanhas do Banco Alimentar contra a Fome e posterior distribuição dos géneros alimentares tem sido uma realidade desde há 9 anos. Esta iniciativa tem superado todas as expectativas. E duplicando os donativos, duplicou a felicidade de quantos ajudaram a passar mensagem e contribuíram para alimentar esta ideia. Paralelamente ao apoio alimentar, dispomos de algumas ajudas técnicas, bem como vestuário e brinquedos o que irá levar à concretização de um sonho antigo: uma Loja social.

 

Este ano foi especial para nós, para além dos 10 anos de trabalho, podemos ver o início da construção da NOSSA sede: A NOSSA casa. Acreditamos que esta acção vai ser um pilar básico para o desenvolvimento das nossas actividades e para a melhoria do nosso trabalho em prol dos mais necessitados.

 

Este passo não seria possível sem a ponte existente entre a Associação e o Município de Viana do Alentejo que cedeu o terreno e apoiou com 15% do valor da obra, e o Programa de Desenvolvimento Rural do Continente, designado por PRODERque apoia com 75% do investimento, bem como o apoio de muitos “amigos” desta causa.